Menduina

Sou a rosa mais perfumada do meu jardim.

Textos


Guardo em fileiras os papeis que escrevo
letra por letra com carinho as  soletro...
deixo pra trás as tristezas da alma;
Recolho tudo que fiz com amor pela felicidade.
 
 
Depois de tudo arrumado dou graças a Deus!
Levanto, abro a janela, olho a sol saldando-me!
Grande é o sorriso com que esnobo a tristeza,
deixando os raios solares entrarem em mim.
 
Divagando entre um raio e outro vejo nele o amor,
diz-me vida que me leva á frente sorrateiramente,
depois o mar em altivez vem aqui alimentar-me.
 
Sou navegante, amante sem dor nem amor!
Trago no peito a sensatez do passado distante,
trouxe comigo arraigado os passos que vou dar.
 
               ***********************************

Queridos amigos estou devendo visitas a muitos
me perdoem, a JOVEM aqui está adoentada,
espero que entendam esta JOVEM ANCIÃ RSRSRS
logo que possa estarei visitando.

beijos com carinho

MENDUIÑA


 
 

 
Menduina
Enviado por Menduina em 08/11/2013


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras