Menduina

Sou a rosa mais perfumada do meu jardim.

Textos


EQUÍVOCO E FANTASIA
 
Fantasiei o amor a meu modo
arrebatadores momentos vivi
tremi contra teu peito
deliciei-me entregando-me a ti
cantei o canto dos lamentos
diz-me onde andas sem mim
tremores sinto de amor
a solidão minha companheira
sons, imagens suplico;
teu sonho maior queria
a sinfonia dos pássaros
conduz-me a ti,
quero a morte sentir
sem refletir o desatino
o amor tem nome!
com outro sinto teu calor
a boca não é a mesma
sobre teu corpo nu desejo-te
noites frias te sinto.
Ah! Este amor,
não esqueço levo comigo
além do que posso imaginar
um dia nos encontraremos
e nossos corpos nus se unem
e num só gemido seremos um só
é presente, passado, futuro!
##################
" Vamos deixar de brincadeiras
e tirar nossas fantasias
o carnaval desceu ladeiras
pra abraçar nossas poesias
OBRIGADA POETA OLAVO PELA iNTERAÇÃO
 

Menduina
Enviado por Menduina em 26/07/2019
Alterado em 17/08/2019
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Francisca Menduina - Direitos Autorais Registro nº 48693 *). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras